Resenha: Histórias do Povo

HISTÓRIAS DO POVO

por: Rosângela Martins

Olá!
Hoje, trago aqui pra vocês as minhas impressões sobre o livro HISTÓRIAS DO POVO, da querida escritora Raquel Machado, lançado em 2020.
 
O livro é uma coletânea com 11 contos que se passam na cidade Cotidiana. Esse é o fio de ligação dos textos, o local onde os personagens habitam e se conhecem.
 
O grande diferencial dos contos é que, no momento da definição da direção que cada um vai seguir, o leitor escolhe o final. Isso mesmo. A Raquel apresenta duas opções de finais (é claro que a gente vai ler as duas) e o leitor escolhe aquela com a qual melhor se identifica. Tipo o antigo programa “Você decide”.
 
Com linguagem descolada e de leitura fácil e envolvente, as histórias são narradas de forma leve e bem-humorada. Por isso os contos nos remetem às gostosas comédias românticas que adoramos assistir à TV.
Os títulos dos contos são bem sugestivos, como “Rola ou enrola”, “Cenoura ou bronze” e “Tapa na pantera”, por exemplo.
 
Histórias do Povo e uma indicação perfeita para o público teen ou jovem-adulto. Recomendo.
 

A AUTORA

A Raquel Machado é formada em Ciência da Computação e mora com seu marido em Caxias do Sul/RS. Leitora compulsiva ministra o blog Leitura Kriativa desde 2010.
Em 2014, publicou seu primeiro livro “Vingança Mortal”.
Depois, em 2017, participou do livro coletivo “A Escolha Perfeita”.
Em 2018, participou de diversas antologias nos gêneros de terror e romance.
E em 2019 organizou a antologia Mascotes lançada na Bienal do RJ e participou da antologia Arrependa-se. Além de publicar contos digitais na plataforma do Cyber Tv como autora convidada.
 
Acompanhe os trabalhos da autora pelo Instagram: @autora.raquel.machado
#sextaliteraria #resenhaliteraria #historiasdopovo #escritoranacional

Contos Relacionados